Últimas Notícias

Quero Emigrar – Passeio Maritimo de Cascais

Posted by:

Quero Emigrar – Passeio Maritimo de Cascais


O Passeio Marítimo de Cascais é Único.

Se é uma daquelas pessoas que está a pensar “mas que raio tem isto a ver com emigrar???”, compreendo.

Também eu estava na dúvida se haveria de postar este vídeo ou não.

Depois lembrei-me que muitas pessoas que aqui vêm, são eles mesmo emigrantes e gostariam concerteza de ver este passeio marítimo, que até nem tem assim tanto tempo de funcionamento. Por isso acredito até que haverão muitos que nunca o tinham visto, mesmo tendo lá vivido no passado.

Passear no passeio maritimo de Cascais, é uma experiência única

Até parece que estava a adivinhar esta saída de Portugal, quando vivia no Estoril.

Lembro-me muito bem de durante um dos passeios que fiz aqui com a Rita, lhe dizia: Olha, nós somos pessoas de muita sorte, por vivermos aqui. Este passeio á beira mar, este sol resplandecente, este céu que está sempre azul e este cheiro a maresia, são um luxo muito desejado por quem vive no centro e norte da Europa…

Quando fui passar esta última quadra natalícia a Portugal, não podia deixar de registar momentos nos locais que mais me tocam e este teria obrigatoriamente de figurar nessa lista.

Repare ainda que este vídeo foi gravado no dia 1 de Janeiro, portanto tem umas imagens impressionantes de ondas a bater violentamente na barra, quase nos molhando também.

Mas é digno de se ver.

Acredito que vá gostar.

No princípio até falo alguma coisa, mas depois apliquei-lhe um música de piano bem soft, que nos faz sonhar tal como se estivéssemos lá.

Se gostar, não se esqueça de comentar abaixo, pode ser? 🙂

Este momento no passeio marítimo de cascais, foi para nós… profite!

2


Discussion

  1. Miguel Lomelino  Janeiro 21, 2014

    Cagarolas, um homem a sério não tem medo das ondas. Quando andava no ciclo voltava para S. João encostadinho ao Mar e apanhava cada molha :p

    (reply)
    • Alfredo Rodrigues  Janeiro 21, 2014

      É verdade Miguel, mas nessa altura não tinhas os 86 anos que tens agora…

      (reply)

Add a Comment